Mês: março 2013

Mudança de estação…

Quero apenas cinco coisas..
Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono
A terceira é o grave inverno
Em quarto lugar o verão
A quinta coisa são teus olhos
Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser… sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando.

Pablo Neruda

Feliz Equinócio de Outono!! Feliz dia. Feliz equilíbrio. Felizes mudanças…

Eu queria achar um bom poeminha ou prece para a estação mas não encontrei um que combinasse com o que está na minha cabeça e coração hoje. Vi alguns poemas tristes. O outono tem uma tendência introspectiva e muitas vezes triste. Mas apesar de eu ter ficado triste hoje várias vezes, neste exato momento eu não estou nessa vibe. Então escolhi o poeminha do Pablo Neruda. Eu também quero amor sem fim, também quero ver as próximas estações… também quero os olhos do meu amor.

Mas enfim. Quero acima de tudo que as coisas velhas vão embora. Que as coisas passadas fiquem no passado. Que os sentimentos ruins vão embora. Que as coisas bonitas fiquem na memória. Que as dores deixem apenas a sabedoria e o aprendizado. Que cada um colha exatamente aquilo que plantou e desejou. Que, dentro do possível, o mundo colha mais amor, mais sabedoria, mais tolerância e mais luz. Bom início de estação.

Anúncios

“Sei lá, tem sempre um pôr-do-sol esperando para ser visto, uma árvore, um pássaro, um rio, uma nuvem. Pelo menos sorria, procure sentir amor. Imagine. Invente. Sonhe. Voe. Se a realidade te alimenta com merda, meu irmão, a mente pode te alimentar com flores. Eu não estou fazendo nada de errado. Só estou tentando deixar as coisas um pouco mais bonitas”. — Caio Fernando Abreu