Mês: agosto 2010

As coisas são como são…

The mind questions the whole life long and never receives any answer, and the heart never asks but receives the answer. OSHO

Faz tempo que não escrevo alguma viagenzinha né? Mas hoje fiquei com vontade. E a única idéia que está me martelando agora é que a gente precisa aprender a deixar as coisas serem como são, as pessoas serem como são. Não é questão de fazer apologia ao conformismo, comodismo e passividade. É questão de aprender a aceitar a vida, os fatos e  as pessoas do jeito que elas aparecem. Por que a gente quer mudar tudo? Por que as pessoas querem que o namorado volte, que a mãe mude, que os filhos sejam diferentes, que o emprego seja exatamente de um jeito x, que seu chefe seja y, que seus amigos sejam perfeitos? Por que criar 1000 expectativas em cima de todo mundo e tudo? Por que o apego a uma situação anterior, uma namorada anterior, um emprego anterior? Por que não deixar as coisas e pessoas simplesmente irem embora quando precisam ir? É, desapego, desapego, impermanência….

O desapego está, acho, em saber aceitar as situações novas, por mais bizarras ou indesejadas que sejam. O desapego está, é, eu acho, também em deixar pessoas irem embora… seja aceitando o fim de um relacionamento, de uma amizade, a distância, a morte (ou transição… como diriam alguns).

Eu ainda não aceito muitas coisas. Mas vamos lá né, vamos criar serenidade e muito esforço para mudar. As coisas são como são, oras, deixe-as em paz.

Escuta: eu te deixo ser, deixa-me ser então ~Clarice Lispector


Novo blog enfim…

Music produces a kind of pleasure which human nature cannot do without. ~Confucius

Olá!! Como eu estava doida para criar um espaço para divulgação de textos, informações, eventos, reflexões sobre canto e música, finalmente está aí… É bem descompromissado, feito por uma leiga, mas vou tentar sempre evitar incluir coisas duvidosas e bizarras… citar fontes, divulgar eventos legais. O layout está feio e tudo está no começo, mas tudo tem que começar de algum lugar né.

Visitem lá: http://mysingingblog.wordpress.com/

E é agosto!

Feliz 1 de agosto, pessoas queridas!

Outro dia eu twittei falando que hoje em dia música celta me deixava triste e é verdade. Eu coloquei para ouvir para trabalhar e de repente me deu uma dor no coração. Mas isso é porque me deu uma sensação de perda, misturada com saudade, dor, várias coisas. Hoje graças aos Deuses consegui superar um pouco dessa dor e estou ouvindo de novo música celta, aproveitando para acender velas e incensos e deixar a casa mais gostosa, ainda mais no dia de hoje. Ufa, reanimei. Estou feliz. E até aproveito para recomendar um CD: Mairead Nesbitt, “Raining Up”. É lindo. Para quem já ouviu Celtic Woman (que também recomendo), Mairead é a loira violinista. O CD é muito gostoso de ouvir. Experimentem.

Sobre receitas novas, sábado eu me inspirei e fiz um pavê de frutas vermelhas (para levar um mimo à casa de amigos fofos e queridos) que eu gostei bastante. Achei um pouco doce demais e a receita não é barata, mas acho que é só diminuir a quantidade de chocolate branco (na receita vai 1/2 kg!). Eu coloquei framboesa (congelada) e acabei não pondo licor de kassis. Está no site http://www.chocolatria.com/ que tem receitas maravilhosas! (Recomendo também!)

Apesar de agosto ser um mês esquisito (e vamos ter uma sexta-feira 13!) espero que ele traga muita sorte pra todo mundo. Alegria… logo mais é setembro e primavera.