Cold

“I wonder when you have become so cold… so cold…” (Delain)

Uau, são mais de 2 da manhã e eu ainda não tomei vergonha pra ir dormir! Na verdade me empolguei ouvindo músicas e gravações do povo do “karaokê metal” rsrs. Eu adoro ouvir as pessoas cantando, sempre é gostoso ouvir um timbre bonito, uma música interpretada direitinho e tudo mais… ou nem precisa ser direitinho.

Estou me empolgando demais com esse blog, deveria escrever menos. Mas eu imagino que isso seja falta de botar as coisas pra fora, falta de falar, desabafar, encher o saco dos amigos… Hoje de repente me deu uma carência, uma falta das pessoas queridas. Acho que eu me tornei uma pessoa muito isolada do mundo. Não sei se o povo em geral está cada um no seu canto, cuidando da sua vida, sua família, seus amores. Mas eu tenho a impressão de que até hoje não aprendi a deixar de ser distante e ilhada. Às vezes bate uma tristeza… Sei lá, tenho vontade de ficar acordada até altas horas divagando sobre a vida e falando besteiras, mas uma coisa sem tumulto, sem ser superficial. Argh, sei lá. Só sei que o mundo deveria ser feito de mais momentos próximos, sinceros, abertos, inspirados, e sem hora pra acabar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s